R. P. Feynman e o Átomo
O Professor de física norte americano Richard P. Feynman foi um dos maiores físicos do século XX. Vencedor do prêmio Nobel e autor de uma interpretação muito original da Mecânica Quântica, ele foi responsável por várias contribuições científicas, em diversos campos, e é também muito conhecido pelos clássicos "The Feynman Lectures on Physics". Trata-se de um livro texto de física básica (primeiros anos do curso superior) em três volumes, publicado em 1963 e ainda sem tradução completa para o português. O primeiro capítulo do primeiro volume se chama: Átomos em movimento. Um pequeno trecho deste capítulo explica bem tal escolha. Ele diz:

"1-2 A matéria é feita de átomos.

Se, em um cataclisma, todo o conhecimento científico estivesse para ser destruido, e apenas uma frase passada adiante para as futuras gerações, que afirmação conteria a maior quantidade de informação com o menor número de palavras? Eu acredito que seja a hipótese atômica (ou o fato atômico, ou como quiserem chamar), que todas as coisas são feitas de átomos - pequenas partículas que se movem eternamente, se atraindo mutuamente quando estão próximas o suficiente e se repelindo quando muito próximas. Nesta única frase, voces vão ver, com apenas um pouco de imaginação e raciocínio, contém uma quantidade enorme de informação sobre o universo."



Vale apena continuar a leitura destes bonitos capítulos de fundamentos da ciência. Voltaremos muitas vezes a falar do pensamento de Feynman.

cientistastópicos
Copyright © 2000 todos os direitos reservados